Cardápio futurista serve dieta reciclável

Eles têm três vezes mais ácido fólico que o brócolis e o espinafre. Suas vitaminas, proteínas, minerais e fibras regulam o intestino, controlam o colesterol e favorecem o emagrecimento. Agora, projeto faz os cogumelos comerem plástico para crescer e serem servidos.

Adoro fungos comestíveis. Com quase nenhuma gordura e poucas calorias, cogumelos são nutritivos e acrescentam textura e sabores diferentes à rotina de quem precisa pegar leve na hora da refeição.
Geralmente, a espécie cresce em meio a matéria orgânica em decomposição. Mas também existem cogumelos que se alimentam de poliuretano. Esta capacidade converte os fungos numa solução biológica para a eliminação de resíduos plásticos.
Juntando estas duas características, as designers austríacas Katarina Unger e Julia Kaisinger, em parceria com a Universidade de Ultrecht, desenvolveram o Fungi Mutarium. A ideia é oferecer cogumelos criados em casa que consumam plástico descartado para crescer.
O equipamento consiste em uma estufa na forma de mesa, que dispõe de nichos revestidos por uma mistura de ágar-ágar e fungos Pleurotus Ostreatus e Schizophyllum Commune.
Em seguida, em cada nicho é inserido uma pequena porção de plástico triturado. Durante a digestão deste plástico, o nicho é preenchido por mycelium, uma biomassa que, quando extraída, já pode ser preparada e servida.
Por enquanto, todo ste processo dura cerca de dois meses. Suas criadoras trabalham para acelerar a disponibilidade do fungo comestível.
Ao criar alimento a partir de detritos, a invenção revela-se fantástica. Seu potencial em nutrir populações carentes e resolver um grave problema ecológico ao mesmo tempo é digno de um prêmio Nobel, ou algo que o valha.
Resta aguardar para ver se a ideia vinga.
Cardápio futurista
Fungi Mutarium é uma estufa de cogumelos que se alimentam de plástico
Fungi Mutarium
Nichos com ágar-ágar e fungos recebem plástico: em dois meses, massa resultante pode ser comida
Fungi Mutarium
Também foram criados talheres específicos para degustar a dieta reciclável

Postagens mais visitadas