Jovem amamenta filhotes da cadela da família

Uma mulher, que preferiu não ser identificada, resolveu amamentar, nos próprios seios, os filhotes da sua cachorra, que não tinha condições de fazê-lo. O caso aconteceu em Jesuítas (PR).

Segundo o CGN, a mulher que na época morava nos Estados Unidos, resolveu comprar um cachorro para seu casal de filhos há quatro anos. No pet shop, ela comprou o cachorro, no entanto, ficou sabendo que uma cadela seria morta, devido a uma deficiência. Inconformada, a mulher pediu para adotar o animal, e como o pet shop se recusou, ela pagou 500 dólares pela cadela.
“Ela tinha problema nas patas. Eu comprei o macho, dei para os meus filhos, mas não me conformava que a fêmea logo seria morta. Voltei e pedi para que me dessem, mas eles não aceitaram. Então paguei 500 dólares por ela e a levei para casa”.
A cachorra recebeu o nome de Belinha e se tornou o xodó da família. Ela vivia junto com o macho, que faleceu.
A família voltou ao Brasil em 2013. A Belinha, não castrada, ficava no pátio da casa. O que a mulher não imaginava, é que um cachorro entraria na residência e sua cadela ficaria grávida.
Belinha deu à luz quatro filhotes. Ao ver que a cachorra da família não tinha condições de amamentá-los, a mulher resolveu fazer ela mesma.
Ela amamenta sua filha de três anos e como tinha leite não se importou em dividir com os filhotes de sua cadela. “Então pensei em colocá-los no meu peito, mas pensei que eles não iam mamar. Quando vi eles mamaram e depois me reconheciam pelo cheiro”, relata.
De acordo com a jovem, ela amamentava os filhotes e depois higienizava os seios para quando sua filha fosse mamar. “A sensação é a mesma. Claro que faria de novo”, conta. Como os animais estavam fracos, ela os amamentou nas primeiras semanas de vida. Hoje, eles já comem papinha.
A mulher não tinha intenção de ganhar fama pelo ato. Contudo, sua mãe postou uma foto no Facebook e o fato foi rapidamente se espalhando; com as fotos sendo compartilhadas e comentadas.
“Eu publiquei por conta. Ela nem sabia. Sei que algumas pessoas criticam, mas eu acho que cada um tem direito de pensar o que quer”, conta a mãe.
A mãe jovem apoia a atitude da filha e assume: “Eu também já dei de mamar no peito para um gatinho”.
Os filhotes não serão doados e todos ficaram com a família.

Postagens mais visitadas