Campanha conscientiza o público sobre a origem dos animais vendidos online e em pet shops

Ao fazer a pergunta “O quão bem você conhece seu melhor amigo?”, a Animals Australia, uma das maiores organizações de proteção animal do país, busca conscientizar o público sobre o problema sério das Puppy Mills (espécie de fábricas de filhotes) e a triste realidade por trás da maioria dos cães e gatos que são comprados em pet shops e em lojas online e suas verdadeiras origens.

Para os que acreditam que é um exagero afirmar que a maioria dos animais vendidos nesses locais sofrem abusos, os números são sempre a melhor resposta. A RSPCA estima que 95% dos animais vendidos nas duas frentes citadas acima têm origem em Puppy Mills.
Enganados por lindas fotos, descrições românticas e modernas vitrines em pet shops, a verdade é escondida e grande parte do público nem imagina o que acontece nos bastidores. Campanhas como essas são de extrema importância pois são através dessas iniciativas que a população realmente tem acesso a origem de seus animais e como o ato de comprar de maneira irresponsável, sem ao menos conhecer o criador e as condições que os animais vivem, acaba financiando a crueldade.
No vídeo oficial da campanha, vemos três tutores fictícios que nem imaginam as circunstâncias e o lugar horrível que seus melhores amigos caninos nasceram. Pior, eles reproduzem o discurso errôneo que lhes foi passado por pseudo criadores.


Fora o vídeo acima, a campanha ainda trabalha online, disponibilizando no site “knowyourbestfriend.com” uma série de informações sobre Puppy Mills e como os usuários podem fazer algo para mudar essa realidade.
Abaixo, vemos cenas de um resgate que foi deito em uma notória Puppy Mill encontrada no estado de Victoria, na Austrália. Ela sozinha fornecia filhotes para pelo menos 5 pet shops de Melbourne.
Quem pensa que o esforço e a cobrança da sociedade civil não faz a diferença, Victoria será o primeiro estado na Austrália a banir a venda de cachorros e gatos em pet shops.


Do Portal do Dog

Postagens mais visitadas