Consumo de carne mal passada causou surto de toxoplasmose no RS

O Ministério da Saúde divulgou o resultado de uma pesquisa sobre o surto de toxoplasmose que foi registrado em São Marcos, na Serra do Rio Grande do Sul, no início deste ano. Foram pelo menos 154 casos confirmados no município. As investigações apontaram o consumo de carne mal passada como a principal causa da contaminação.

Os casos de toxoplasmose ocorreram nos meses de janeiro e fevereiro, principalmente entre pessoas de 20 e 39 anos. Ações de fiscalização da Vigilância Sanitária devem ser mantidas na cidade, nos estabelecimentos comerciais, assim como ações educativas do poder público sobre a legislação sanitária.
No início do ano, a Prefeitura de São Marcos suspeitava que pelo menos mil pessoas pudessem ter contraído a doença no município que tem cerca de 20 mil habitantes. A toxoplasmose é transmitida por água ou alimentos contaminados por fezes de gatos infectados.
Do G1 RS

Postagens mais visitadas