Fiocruz desenvolve teste rápido para leptospirose

Um teste desenvolvido na unidade baiana da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e já aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) possibilitará a realização de testes rápidos de leptospirose. Apenas uma gota de sangue do paciente é necessária para que o diagnóstico seja entregue em 20 minutos. Atualmente, o diagnóstico é finalizado em 15 dias. 


"O material desenvolvido ainda tem potencial para ser aperfeiçoado, além de também ser a origem para o desenvolvimento de uma vacina contra a doença", afirmou o médico e pesquisador Mitermayer Galvão ao jornal Correio. No entanto, ele ressaltou que ainda não há previsão para desenvolvimento de uma vacina contra a bactéria causadora da doença. 

"Precisamos concluir primeiro as etapas que culminam nos testes clínicos, mas já podemos adiantar que, uma vez finalizada, a vacina vai prevenir a leptospirose em humanos e nos cães, pois os resultados em pequenos mamíferos foram muito animadores". 

Os testes rápidos serão fabricados na unidade do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos), que é uma unidade da Fiocruz, no Rio de Janeiro.

Postagens mais visitadas