Restaurante serve refeições para fotos

Como diria o filósofo alemão Nietzche, isso é humano, demasiado humano.
Sim, é normal fotografar o prato antes de começar a comer.
Mais do que você imagina.

Em Israel, uma parceria entre o restaurante Catit e a vinícola Carmel Winery está lançando uma experiência única – por enquanto.
O projeto, batizado Foodography, oferece uma experiência que combina a degustação de refeições elaboradas com o desejo de registrá-las da melhor maneira possível.
Para isso, até os pratos foram desenvolvidos de modo a acomodar o smartphone e servir como fundo infinito para realçar os ingredientes que estão sendo servidos.
Além dos garçons, fotógrafos profissionais circulam pelo salão para fornecer dicas de como capturar, tratar e subir a melhor imagem.
A experiência dura uma hora e custa 155 dólares (cerca de 470 reais).
A programação inicial é que os jantares fotográficos sejam oferecidos até o mês de junho.
Entretanto, os organizadores já estão recebendo convites para oferecê-los em outros países.
Tenho certeza de que você já começa a torcer para a novidade chegar por aqui.
A verdade é que eu também.







Postagens mais visitadas