Aeroporto lançará terminal de luxo exclusivo para animais

Todos os anos, mais de 70 mil animais passam pelo aeroporto JFK na cidade de Nova York. De cavalos de corrida a cães de competição, esses animais terão agora um terminal luxuoso à sua disposição, segundo informações do site USA Today.

O novo terminal receberá o nome ARK, em homenagem à arca bíblica de Noé, e oferecerá bastante conforto aos animais viajantes. Cavalos e vacas receberão estábulos climatizados e modernos, e cachorros poderão relaxar em suítes equipadas com televisores de tela plana. Um espaço destinado aos pinguins garantirá privacidade para que possam acasalar.
O ARK é considerado o primeiro terminal aéreo para animais do mundo e deve abrir no ano que vem. Com um custo de 48 milhões de dólares, o terminal contará com 16500m² e servirá como abrigo e local de quarentena, recebendo qualquer espécie de animal que passe pelo aeroporto, tais como os ocasionais orictéropos e bichos-preguiças.
Muitos dos animais que chegam ao JFK são postos em quarentena por um determinado período. Para os cavalos, por exemplo, o tempo é de três dias, e serve para garantir que os animais não estejam carregando doenças contagiosas. O ARK tem como objetivo tornar a estadia o mais prazerosa possível e oferece, por exemplo, 70 estábulos para cavalos e 180 para bovinos, todos equipados com feno, um aviário, além de instalações específicas para cabras, porcos e ovelhas.
Foto: Associated Press
Para os cachorros, o ARK contará com um “resort” de 1860m², equipado com piscinas em formato de osso, massagens terapêuticas e “paticures com esmaltes coloridos próprios.” Os cães poderão assistir televisão de tela plana e seus tutores poderão acompanhá-los via webcam.
Os gatos terão árvores exclusivas para escalar. Todos os animais terão acesso a uma clínica veterinária 24 horas, operada pela faculdade de veterinária da Cornell University.
Até mesmo animais que não precisam ser mantidos em quarentena deverão ser enviados ao ARK, de onde partirão para embarque ou serão retirados por seus tutores.
Cliff Bollmann, arquiteto envolvido na construção do terminal ARK, conta que estão trabalhando em colaboração com veterinários e consultores para que o design do terminal ajude a minimizar o estresse dos animais que passam por lá.
A maior parte dos animais que entram nos Estados Unidos passam pelo aeroporto JFK, mas os aeroportos de Chicago, Los Angeles e Miami já possuem instalações similares.
O terminal animal está sendo construído no local de um terminal de cargas que não era utilizado e está sujeito a aprovação pelo Departamento de Agricultura. Serão cobradas taxas por cada animal, a serem definidas pelo aeroporto. Sabe-se que as suítes caninas de luxo custarão cerca de 100 dólares por noite.
O empreendimento claramente não é voltado a tutores de baixa renda: voar com um cachorro de Nova York a Londres, por exemplo, custa mais de 1000 dólares. Para um cavalo, o preço chega a 10 mil dólares.
Um dos grandes desafios dos arquitetos do ARK foi a questão dos excrementos. Para resolver o problema de maneira inovadora, conceberam um piso inclinado sobre o qual as fezes deslizam, caindo num contêiner.
O novo terminal certamente agradará aos tutores e, principalmente, aos animais viajantes que passarem por Nova York.
 Informações do site USA Today.

Postagens mais visitadas