Parques e praças podem ganhar área para animais de estimação em Curitiba/PR

Criar espaços em parques e praças de Curitiba para que pessoas e seus animais de estimação possam transitar livremente – os Espaços Pet. É o que sugere o projeto da vereadora Carla Pimentel (PSC), que começou a tramitar na Câmara Municipal no dia 17 de agosto. Na opinião da parlamentar, os Espaços Pet teriam o poder de “harmonizar a convivência das pessoas que gostam e que não gostam de animais, preservando o direito de ambas”.


“Os animais domésticos ocupam um lugar de grande relevância afetiva nos núcleos familiares hoje em dia. E a tendência é que estejam sempre acompanhando seus donos em momentos de lazer. Só que há uma parcela da população que é mais reservada em relação a animais, que não se sente confortável na presença deles. Os Espaços Pet ajudariam com isso”, argumenta a vereadora.


O projeto prevê que os locais destinados à instalação dos Espaço Pet seriam definidos e fiscalizados pela administração pública municipal. Os donos ou responsáveis pelos animais domésticos utilizariam estas áreas e também fariam o uso de coleiraguias efocinheiras – especialmente para os animais de grande porte. Aos donos ou responsáveis pelos animais também compete o recolhimento dos dejetos produzidos. O descumprimento seria punido com advertência e, na reincidência, ordem para abandonar o local.

Carla Pimentel argumenta que a criação destes espaços não gera despesa à Prefeitura de Curitiba, uma vez que os logradouros públicos já são fiscalizados. “Os Espaços Pet ainda poderiam ser utilizados nas políticas públicas de defesa animal, como ascampanhas de doaçãocastração e vacinação, mediante parcerias com instituições não-governamentais”, explica. Cães guias e os utilizados pela Polícia Militar no exercício de suas funções não estariam sujeitos às determinações do projeto.

As informações são do portal Bem Paraná 

Postagens mais visitadas