Prefeitura de Juazeirinho distribui alimentos vencidos

A Prefeitura do município de Juazeirinho, localizado no Cariri paraibano, distribuiu, na quinta-feira (30), alimentos vencidos para famílias do Conjunto Frei Damião, uma das comunidades mais carentes do local.


A distribuição feita através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, que tem como responsável a esposa do prefeito, mesmo realizada em ano pré-eleitoral, deveria beneficiar centenas de moradores que saíram de suas casas no intuito de receber um tipo de mistura para preparo de sopa, porém, o produto estava com prazo de validade vencido e sem condições de consumo, podendo inclusive, colocar em risco a saúde dos moradores.

A fraude visivelmente eleitoreira só foi descoberta quando alguns adesivos com logomarca da Prefeitura colocados para esconder a data de validade original começaram a cair e os “beneficiados” perceberam que havia outra data na embalagem. O alimento que tinha data de validade até 14/07/2015 foi entregue com um adesivo com uma data falsa com vencimento para 05/05/2016.

“Passamos a semana toda esperando esse alimento, a prefeitura quis nos ‘tapear’ colocando esse adesivo para cobrir a data de validade, mas, descobrimos a enganação”, disse o morador José Vicente.

O líder comunitário do conjunto Frei Damião lamentou a tentativa da Prefeitura de ludibriar os moradores carentes.

“Absurdo!! Dessa vez o pessoal da Assistência Social do município de Juazeirinho extrapolou, pois doaram à população alguns pacotes de sopa. Mais isso não e bom? Sim, seria, se essa sopa não estivesse vencida. Eles cobriram com um adesivo a data de validade vencida e distribuíram o produto, colocando em risco a saúde e até a vida de muita gente, inclusive de inúmeras crianças”, pontuou Junior de dona Matilde.

Os vereadores de Juazeirinho já tomaram conhecimento da situação e devem acionar a Vigilância Sanitária e o Ministério Público para apurar e punir esse tipo de ação vinda da atual gestão municipal.

“Isso demonstra o total despreparo e desrespeito desta gestão com a população. Doar alimentos vencidos, alterando a data de validade é um verdadeiro absurdo, um ato criminoso”, garantiu o vereador Cícero Silva.

Prefeitura confirmou ato desastroso

Após a repercussão negativa e revolta dos moradores a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, de Juazeirinho, emitiu uma Nota Oficial confirmando que os alimentos realmente estavam vencidos, porém, tentou justificar a falha, culpando a empresa responsável pelo fornecimento das sopas. A nota informa que a Secretaria exigiu esclarecimentos acerca do ocorrido uma vez que o produto foi personalizado pela própria empresa com um selo da Prefeitura, e que este não mostrava a data de validade vencida. A secretária e primeira-dama Fabiana Roma disse que ficou indignada, uma vez que, para a sua própria surpresa só teve conhecimento de que o selo com o slogan da Prefeitura estava por sobre a data de validade, após uma contemplada ter retirado o selo e percebido que a data estava vencida.

De acordo com a Secretária, a distribuição foi suspensa e já encaminhou o caso ao setor jurídico para que as providências junto a empresa sejam tomadas.




ReleasePB

Postagens mais visitadas