Ao pegar amendoim para viagem, mulher se depara com um rato morto

As redes sociais trouxeram à tona em setembro um vídeo que fez sucesso: um rato que carregava um pedaço de pizza no metrô de Nova York, nos EUA. Mas muito pior do que ver um rato comendo é… Ver um rato em seu prato.


Foi por essa situação bizarra que viveu a norte-americana Jenny Bugieis. Ao ir às compras em uma reserva militar que fica no Havaí, ela se deparou com um roedor morto em meio aos amendoins que pegava na máquina de autoatendimento.

“Eu estava raspando o fundo do compartimento e até brinquei que talvez tivesse o suficiente para encher meu copo e, de repente, gritei: 'Meu Deus, alguém olhe para isso!’ e lá estava o rato morto”, afirmou ela para um rede de televisão local.

A questão já seria bastante problemática para a loja se ela estivesse em qualquer lugar dos Estados Unidos. Mas o fato de estar em uma área de segurança militar complica ainda mais as coisas para as pessoas que gerenciam o local.

Em uma situação ‘normal’, essas pessoas responderiam diretamente para a Vigilância Sanitária. Mas, agora, o Exército dos Estados Unidos está envolvido na história. Eles foram responsáveis por jogar fora todo — sim, todo — o estoque de amendoim local.

As Forças Armadas, porém, não poderão julgar a situação. Cabe à Vigilância Sanitária investigar como o roedor foi parar dentro da loja e, mais ainda, quanto tempo ele ficou morto no local. 


Postagens mais visitadas