Como sonham os cachorros

Cachorros são bem parecidos com humanos – essa convivência de milhares de anos (pesquisas indicam que essa amizade exista há 32 mil anos), criou semelhanças genéticas entre nós e eles.

 E até o padrão de sono parece se repetir entre essas duas espécies.
É o que mostra uma pesquisa de biólogos e neurocientistas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). Eles avaliaram a atividade cerebral de cachorros durante o sono e descobriram duas fases semelhantes à nossa: sono de ondas lentas e sono REM(Rapid Eye Movements).
Na primeira, quando o animal acaba de cair no sono, os processos mentais são calmos, com os músculos um pouco mais relaxados. O cachorro parece descansar tranquilamente, sem fazer qualquer movimento.
No estágio de REM, o corpo se relaxa por completo, com exceção da mente e dos olhos – que funcionam a milhão. É por causa dessa atividade mental intensa que, às vezes, os cães mexem as pernas, como se estivessem correndo. Eles costumam entrar nessa fase após 20 minutos de sono. E é quando começam a sonhar.
Mas os ciclos de sonho variam de acordo com a raça e idade. Os sonhos de cães pequenos acontecem com mais frequência, mas duram menos tempo. Com os cachorros de maior porte, acontece o oposto. Filhotes também tendem a passar mais tempo na fase de REM.
Justamente por terem os mesmos padrões de sono, os pesquisadores acreditam que os sonhos deles sejam parecidos com os nossos. Ou seja, sobre coisas que aconteceram no dia ou que façam parte da rotina deles – seus donos, os lugares por onde costuma passear.
Créditos da foto: flickr.com/catmitchell/

Postagens mais visitadas