Defensores das vaquejadas prometem parar centro de João Pessoa em grande protesto na próxima terça

Está sendo organizada para a próxima terça-feira (11) uma manifestação reunindo aqueles que defendem a vaquejada, prática proibida recentemente pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no Ceará, decisão que deve ser seguida por todo o país. 


O protesto está marcado para as 9h na Praça da Independência e, além dos praticantes, deve contar com caminhões e cavalos que vão se locomover até a Praça dos Três Poderes.

“Vamos tentar encontrar com os deputados da Assembleia Legislativa e a Câmara já se prontificou a nos receber, através do vereador Dinho (PMN), que quer transformar a vaquejada em esporte”, informou o membro da Federação Paraibana de Vaquejada e Presidente da Associação de Vaqueiros Amadores da Paraíba, Walter Trigueiro Júnior, conhecido como Walter Papel.

A mobilização deve acontecer em todo o nordeste brasileiro e também alguns outros estados, como Minas Gerais. De acordo com Walter, o intuito é conscientizar a população em âmbito nacional contra a decisão do STF. “Teremos uma manifestação ordeira, sem bagunça, para chamar a atenção das pessoas. Já nos colocamos à disposição das autoridades para organizar a questão do trânsito e tudo mais”.
Walter Papel informou que ainda não se sabe quais serão as consequências da decisão do Supremo, mas afirmou que muitos ministros que votaram a lei não têm conhecimento sobre a prática atualmente. “A vaquejada de hoje é bem diferente da de dez anos atrás. Temos regulamentos nacionais e meios de fiscalização para evitar que haja maus-tratos contra os animais”, garantiu. 

Postagens mais visitadas