Um preso morre e 7 são internados após intoxicação alimentar no presídio

Um preso morreu e sete foram internados no Hospital Municipal Mário Covas, em Hortolândia (SP), nesta terça-feira (21), após apresentarem sintomas de intoxicação alimentar dentro da Penitenciária 3, no Complexo Campinas/Hortolândia. Um dos presos atendidos na unidade de saúde encontra-se em estado grave.
Os detentos que apresentaram sintomas de intoxicação alimentar são todos de uma única cela da Penitenciária 3. Vinte e cindo estão sendo tratados na unidade prisional, com apoio de médicos do Samu. De acordo com a direção da P3, os detentos alegaram terem comido macarrão e estrgonofe levados por visitantes.
Em nota, a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informou que presos apresentaram os sintomas de intoxicação alimentar na noite de segunda-feira (20) e receberam os primeiros atendimentos pela equipe de saúde da unidade.
"Durante a madrugada um dos presos da cela se sentiu mal e quando foi encaminhado para a enfermaria da unidade já não possuía sinais vitais. Foi comunicada a autoridade policial e ainda não há a causa do óbito. A perícia foi realizada agora há pouco pela polícia", diz a nota enviada ao G1 às 13h40.
A Vigilância Sanitária coletou amostras das refeições servidas aos presos e encaminhará o material para análise. Em nota, a Secretária de Saúde de Hortolândia disse que os detentos também tiveram acesso a alimentos preparados fora do complexo, entregue durante as visitas, no final de semana. "Estes itens não estavam mais disponíveis para coleta de amostra", informou a pasta, em nota.

Morte no presídio

O corpo do preso será encaminhado ao IML de Americana na tarde desta terça-feira para que seja possível determinar a causa do óbito. A funerária responsável pelo recolhimento do corpo aguarda o registro da ocorrência na delegacia de Hortolândia para realizar o traslado.
A SAP informou que a unidade está apurando a causa da possível intoxicação. Já a Secretaria de Saúde de Hortolândia disse que sete detentos seguem internados no Hospital Municipal Mário Covas.

Internados

A Prefeitura de Hortolândia divulgou em nota, às 15h, que dos 7 detentos internados, um encontra-se em estado grave e os outros seis estão em estado de saúde estável. Pela manhã, a direção do hospital reservou uma sala aos cuidados dos pacientes, que receberam medicação e passaram por procedimento de lavagem gástrica.

G1

Postagens mais visitadas