Animais ficam depressivos e cometem suicídios?

“Sim” para a primeira pergunta, “talvez” para a segunda. Oficialmente, o diagnóstico de depressão em animais não existe. Mas, na prática, dá para notar nos bichos sintomas similares aos da nossa deprê.

“Na ‘depressão’, o animal fica mais quieto, busca menos atenção e carinho, apresenta mudança nos padrões de sono e de fome, além de não querer brincar”, explica Carolina Rocha, veterinária especialista em comportamento animal.
Quanto ao suicídio, não existe qualquer validação científica. Afinal, é difícil comprovar se o animal morto tinha uma intenção suicida ou não – não há registro de cartas de despedida assinadas por bichos.
O único indício de suicídio animal são relatos de pessoas que dizem ter visto animais que tiraram a própria vida. Na Escócia, existe até uma ponte famosa pelos supostos suicídios caninos. Coisa triste.

Postagens mais visitadas