Vídeo de médicos trocando insultos durante cirurgia em grávida viraliza

As imagens do incidente no hospital Umaid, no norte do Estado de Rajastão, viralizaram na internet e provocaram indignação. 

Não se sabe quem divulgou o material, mas ele foi gravado por alguém do próprio hospital.
A Suprema Corte de Rajastão ordenou que o hospital envie um relatório sobre o episódio, e a Justiça conduz uma investigação independente.
Depois que o vídeo foi divulgado, algumas notícias afirmaram que a mulher que estava sendo operada teria dado à luz um bebê que não sobreviveu.
Mas a médica Ranjana Desai, superintendente do hospital, desmentiu a versão. "Quando assisti ao vídeo e comecei uma investigação interna, a mídia já tinha divulgado que o bebê havia morrido", disse ela à BBC.
Um bebê de fato morreu, mas não o que foi divulgado pela imprensa, afirmou a representante. A poucos metros de distância, numa outra mesa de operação na mesma sala de cirurgia, outra mulher deu à luz um bebê morto.
"Esses dois incidentes não estão relacionados", concluiu Desai.
No vídeo, os dois médicos podem ser ouvidos trocando insultos em hindi após discutirem se a paciente tinha se alimentado antes da cirurgia.
Desai identificou os profissionais como Ashok Nanival e Mathura Lal Tak.
Ela disse que eles não foram formalmente afastados, mas estão suspensos temporariamente enquanto o hospital conduz uma investigação interna. Além disso, o hospital está coletando depoimentos da equipe para descobrir o autor do vídeo.
Da BBC

Postagens mais visitadas