Fiscais interditam Restaurante Universitário da UFPB no município de Areia

Fiscais da Agência Estadual de Vigilância Sanitária – Agevisa interditaram o restaurante universitário do Centro de Ciências Agrárias (CCA), Campus II, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), após uma fiscalização, na manhã desta quarta-feira (13). 

O fechamento do RU não surpreendeu os estudantes do Campus II, pois o restaurante já vinha apresentando problemas e a má qualidade da alimentação.  
De acordo com informações do Campus de Areia, o restaurante é terceirizado para uma empresa, que foi notificada pela Agevisa. 
No dia 19 de julho, o restaurante recebeu a visita da Agevisa que, por meio do Termo de Notificação nº 00911.1/2017, notificou a Empresa M.J. da COSTA SILVA-ME para que 21 exigências de adequação fossem providenciadas, no prazo de 30 dias. 
Mesmo com um prazo superior aos 30 dias estabelecidos pela Agevisa, a empresa M.J. da COSTA SILVA-ME atendeu apenas duas das 21 exigências de adequação estabelecidas pelo órgão fiscalizador, o que resultou na interdição na fiscalização pelo órgão, hoje.
“Na tentativa de não deixar os alunos no prejuízo, a Diretoria do CCA entrou em contato imediatamente com a Pró-Reitoria de Assistência e Promoção ao Estudante (PRAPE) a qual determinou que, de forma emergencial, a alimentação seja preparada e trazida do Campus III – Bananeiras, pela Empresa M.J. da COSTA SILVA-ME, até que a situação seja resolvida  em definitivo”, explicou a universidade, em nota.
Segundo a instituição, desde março deste ano, a Diretoria do CCA formulou processo solicitando que Empresa M.J. da COSTA SILVA-ME realizasse conserto e manutenção de equipamentos, além da contratação de mais funcionários para o restaurante. 
Do ClikPB

Postagens mais visitadas